Institucional
Banco de Imagens
Vídeos
Agenda Brasil - Curso para jornalistas
 

Assessoria de Imprensa - FAAP

Tel: (11) 3662-7270 / 7271/ 7029

Tatiana Serafino
tserafino@faap.br

Iracema de Carvalho
iracema@oboecomunicacao.com.br

Nara Bueno
nara@oboecomunicacao.com.br

 

 
Apresentação  |  Últimas Notícias
 

 

Academia de Ciência vira filme

 

ü     Lançamento será no dia 26, às 19h30, no Centro de Convenções da FAAP e  está sendo realizado pelo Instituto Fernand Braudel de Economia Mundial, BASF  e Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP)

ü     Filme aborda metodologia, avanços e importância do ensino de ciência com base em experiência.

ü     Projeto existe desde 2006 e tem o patrocínio da BASF desde 2008.

ü     Mais de 5 mil alunos são beneficiados em seis escolas públicas estaduais de Guaratinguetá e São Bernardo do Campo.

 

Como resgatar e potencializar a curiosidade inata e o espírito científico nas crianças e jovens estudantes das escolas públicas brasileiras?  O filme ‘Academia de Ciência’,  produzido pelo fotógrafo e diretor Fábio Knoll e pelo diretor de arte José Sampaio, oferece a resposta. A produção será lançada no próximo dia 26/11 (segunda-feira), no Centro de Convenções da FAAP (mapa).

O evento de lançamento terá apresentação (25 minutos) dos diretores das organizações parceiras e do filme. seguida da projeção (20 minutos) do documentário.

 

Sobre o Projeto

Academia de Ciência é o nome do programa criado em 2006 pelo Instituto Fernand Braudel de Economia Mundial em parceria  com a BASF. O projeto vem beneficiando por ano 5200 estudantes do  Ensino Fundamental e do Ensino Médio em seis escolas públicas estaduais  de Guaratinguetá e de São Bernardo do Campo, a maior parte localizada em bairros com vulnerabilidade social.

Alunos com elevado potencial e proficiência são envolvidos em atividades científicas no turno contrário às aulas e estimulados a participar de projetos científicos e feiras nacionais, como a FEBRACE. Professores de Ciências (Química, Física e Biologia) recebem formação dentro das escolas e apoio da equipe do programa para o planejamento das aulas teóricas e práticas, sempre em linha com o currículo oficial das escolas.

Usando recursos simples e facilmente acessíveis por qualquer escola pública, aprimorando sua metodologia de capacitação, ensino, desenvolvimento de aulas e experimentos com alunos que têm inclinação para as carreiras científicas e tecnológicas, após seis anos de existência, a Academia de Ciência alcançou maturidade e consolidou sua capacidade de replicação para redes e diretorias regionais de ensino público.

O filme contribui para disseminar uma prática que pode ajudar o Brasil a sair do final da fila na proficiência em Ciências,  conforme apontado pelo exame internacional PISA de 2009 com alunos de 15 anos.

Com uma adesão espontânea de 97% dos professores de Ciências nas escolas onde está presente, o  projeto estimula que cada vez  mais  alunos aprendam melhor. Uma das metas do programa é duplicar nos próximos 4 anos a proporção de alunos concluintes do Ensino Médio com proficiência adequada em Ciências em relação aos irrisórios 6,5% do Ensino Médio de São Paulo medido pelo Saresp 2010.

O resultado será alcançado com as atividades no turno contrário às aulas (em média 210 encontros de três horas cada, por ano, por escola); com suporte pedagógico aos professores (formação em serviço), oferecendo em média 35 horas de apoio por professor, por ano; formação disseminada para outros professores de Ciência nas diretorias de ensino parceiras, totalizando 32 horas de formação coletiva no ano.

A Academia tem provado seu valor com convites para que os alunos beneficiados pelas atividades fora do horário da aula  participem em feiras científicas de referência nacional (FEBRACE). Vários desses trabalhos foram premiados pelas Feiras e outros foram incorporados em Feiras de soluções de engenharia, como a da Associação dos Engenheiros da SABESP, que concedeu o Prêmio AESABESP ao Projeto Bueiro Autônomo (FEBRACE 2012).

Uma parceria com a FEI/SBC resultou na aprovação de dois projetos no edital CNPQ/VALE/Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação [45531/2012-9]: Projeto Forma Engenharia.

Download: ACADEMIA DE CIÊNCIA VIRA FILME